Quanto menos mexermos na rotina do idoso com Alzheimer melhor será para ele, para o cuidador e para toda a família. Por este motivo uma das primeiras coisas a serem feitas é organizar uma rotina para o mesmo, desde a hora que ele levanta até a hora de adormecer, quanto mais segurança ele sentir na sua rotina mais tranquilas serão as realizações de suas atividades e de sua convivência.

A rotina se torna um mecanismo de segurança para o idoso “SENTIR”, mesmo sem saber ao certo o que ele tem para fazer naquele momento, ele consegue ficar tranquilo, pois sabe que tem algo a se realizar e que faz parte de seu cotidiano.

Podem observar que quando falo em ROTINA falo sempre em SEGURANÇA, sim as duas andam de mãos dadas, pois quanto mais tranquila forem as realizações das atividades de vida diária e instrumentais de vida prática, mais confortável ficará nosso idoso. A rotina serve para estipular sem surpresas – fato estressor para nosso idoso – as atividades que ele fará naquele dia e naquela hora.

A organização da rotina do idoso deve estar alinhado com o cuidador, com o familiar e com os demais profissionais (fonoaudiólogo, fisioterapeuta, Terapeuta Ocupacional educador físico), pois quanto mais alinhados estiverem, melhor para o paciente. O horário é muito importante, quando agendado o dia e a hora sempre cumprir o combinado pois chegar em um momento que ele não aguarda pode desencadear comportamentos agressivos. Crises de agressividade, depressão e demais fatores estressores são evitados com uma ROTINA organizada.

#

No responses yet

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.