PSICOLOGIA

PSICOLOGIA

 

O núcleo de Psicologia do GNAP desenvolve um trabalho diferenciado em diversos aspectos, entre eles pela qualidade dos seus profissionais, com o objetivo de promover a saúde e qualidade de vida dos pacientes por meio do atendimento de Psicologia Domiciliar.

O ambiente domiciliar proporciona um tratamento personalizado e permite uma análise profunda dos pacientes, estando em contato direto com o ambiente em que ele vive e com as pessoas que o cercam.

A base de tratamento da equipe é a Terapia Cognitiva-Comportamental, que é a abordagem vista hoje como a mais eficaz dentro dos tratamentos psicológicos. Além disso, somos pioneiros na terapia assistida com animais, no qual são utilizados cães que auxiliam no tratamento de um feito divertido, motivador e com resultados surpreendentes.

COORDENAÇÃO

TRATAMENTOS

Além disso, somos pioneiros na Terapia Assistida com Animais, onde são utilizados cães que auxiliam no tratamento de um feito divertido, motivador e com resultados surpreendentes.

PRINCIPAIS ÁREAS DE ATUAÇÃO

Depressão

Idosos com sintomas psicopatológicos

Transtornos de Ansiedade como TOC, Fobia Social, Fobias Específicas e Transtorno do Pânico.

Pessoas em reabilitação neurofuncional

Autismo

Transtornos do Desenvolvimento

Pessoas Transtornos Alimentares

CÃO-TERAPIA

Você sabe o que são Intervenções Assistidas com animais?

São intervenções que incluem a presença de animais no processo terapêutico ou educacional, atendendo a um objetivo específico de tratamento.

Existem dois tipos de intervenção assistida com animais:

A Terapia Assistida com animais (TAA): é uma modalidade em que o animal é inserido no processo de intervenção terapêutica, atendendo a um objetivo específico de tratamento, e é realizada por profissionais especializados na área.

A Educação Assistida com Animais (EAA): é composta por um conjunto de intervenções realizadas por profissionais da área de educação, devidamente habilitados para inserir o animal no processo educacional como recurso pedagógico, atendendo a objetivos específicos.

Atividade Assistida com Animais (AAA)

São interações informais e/ou atividades recreativas sem finalidades terapêuticas técnicas. Inclui a presença do animal e podem ser facilitadas por pessoas sem formação, inclusive voluntárias. As AAAs tem o objetivo de proporcionar um ambiente lúdico, onde a interação do homem e do animal vise à promoção da motivação e/ou recreação.

Benefícios da interação Homem-Animal

Na relação homem-animal, os seres humanos tendem a sentir-se mais acolhidos porque o animal consegue transmitir mais rapidamente um perfil de reciprocidade e confiança, o que facilita o vínculo e desperta o interesse no tratamento e intensifica a participação do paciente.

Além disto, a ciência nos fornece dados mais concretos que comprovam que durante o atendimento com a presença do cachorro, os indivíduos diminuem a frequência cardíaca, apresentam relaxamento corporal e equilíbrio respiratório. A sensação de bem-estar promovida pela interação com os animais favorece o aumento de neurormônios relacionados ao prazer.

Além dos ganhos para o indivíduo envolvido, também são comprovados os benefícios para os animais, em igual proporção. Para o cachorro há um nível alto de satisfação, prazer e bem-estar.

A quem se destina a TAA?

O público que mais se beneficia:

Crianças em tratamento para transtornos do desenvolvimento - autismo e paralisias. Pacientes que apresentem doenças psiquiátricas, quadros de fobias, dificuldades de socialização em geral e quadros de ansiedade patológica. E idosos em processo de reabilitação e quadros depressivos.

CãoTerapia

Tendo conhecimento deste contexto, o Núcleo de Psicologia do GNAP, sempre inovando e priorizando investir na qualidade e eficácia do atendimento oferecido aos nossos clientes, traz para Salvador e região, a CãoTerapia, terapia assistida com cachorros, incluída também aos atendimentos psicológicos domiciliar. A Cãoterapia é indicada pelos nossos profissionais psicólogos nos casos em que há necessidade para tal intervenção.

Os cães terapeutas são escolhidos de forma criteriosa, de acordo com o seu perfil e público a quem irão atender. O adestramento do cão tem metodologia específica, distinta de cães guia e cães de guarda, tornando o nosso amigo canino capaz de atuar dentro de aplicações de técnicas terapêuticas diferentes.

Cuidados do nosso Cão Terapeuta

As intervenções assistidas exigem de nós cuidados rigorosos com o nosso cão terapeuta. Ele passa por uma avaliação veterinária clínica frequente e periódica, sendo mantida uma regularidade em seus exames e vacinação. Antes de toda intervenção e atendimento, o cão terapeuta é higienizado, garantindo segurança à saúde dos nossos pacientes assistidos e do nosso cão.